Portal G8
Jornalismo com ética e credibilidade

Após governador, Cidadania filia três prefeitos dissidentes do PSB e presidente conversa com vereadores de João Pessoa

Leo Bezerra, Tibério Limeira, Zezinho Botafogo e Tanilson Soares conversam com o presidente do Cidadania para acertar a filiação deles no partido escolhido pelo governador João Azevêdo. Foi o que revelou o próprio dirigente da sigla, Ronaldo Guerra, em entrevista a Ecliton Monteiro, da Correio FM, nesta segunda-feira (3). Leo Bezerra evitou comentar o assunto no contato feito pelo portal ClickPB. Em rede social, Bruno Farias confirmou Zezinho e Leo no Cidadania, a partir de março, durante a janela partidária.

Ainda segundo Ronaldo Guerra, hoje se filiaram ao Cidadania os prefeitos Fábio Tyrone, de Sousa; Chico Mendes, de São José de Piranhas; e Gervásio Gomes, de Bernardino Batista. Esses são três dos 22 prefeitos dissidentes do PSB após a saída do governador da legenda socialista. “Estamos estruturando a base burocrática do partido para receber o grande número de prefeitos que tem procurado o Cidadania de sexta-feira para cá. A partir de quarta-feira (5) vamos começar a receber alguns prefeitos para concretizar a filiação de cada um. Porque o desejo de vir para o Cidadania tem se manifestado em várias regiões do Estado”, disse Guerra.

Ele evitou falar sobre o número de políticos que procuraram o Cidadania após João Azevêdo anunciar que está na legenda. “Na realidade, eu não gosto de falar sobre números. Nós estamos querendo qualidade na filiação e fidelidade ao comando do governador e ao projeto do governador, à gestão do governador. É isso que a gente precisa. Não é quantidade, se são 50 ou 60 ou 80. Isso é de menor importância. Estamos aqui aguardando de portas abertas para receber prefeitos, vice-prefeitos e vereadores. Nesse primeiro momento nós estamos fazendo a filiação individual. Hoje de manhã já filiei uns três ou quatro prefeitos. De forma que será assim.”

O presidente do partido disse que haverá uma solenidade de filiação do governador João Azevêdo e apresentação oficial dos prefeitos, vices, e vereadores filiados. “Posteriormente, daqui a uns 15 ou 20 dias, a gente pretende fazer uma solenidade, o ato de filiação do governador e esses prefeitos todos, um evento coletivo para divulgar para todo o Estado da Paraíba.”

Ronaldo Guerra também comentou sobre a definição de nomes para as eleições deste ano. “Estamos lutando para isso. Temos 60 dias para isso. O governador já vai fazer umas consultas amanhã e quarta-feira, no máximo, e vamos nos preparar no embate eleitoral em todas as cidades da Paraíba.”

Sobre o comando do Cidadania na Paraíba, Guerra explicou sobre o tempo de mandato. “Fica da mesma forma porque nós temos no Cidadania um congresso de quatro em quatro anos que elege a Comissão Executiva e o presidente. Meu mandato vai até março de 2021 e, como é meu primeiro mandato, ainda tenho direito a reeleição. Em João Pessoa é a mesma coisa e em Campina Grande também. Temos no mandato em João Pessoa o vereador Bruno Farias e em Campina Grande é o companheiro Laerte.”

Loading...