Portal G8
Jornalismo com ética e credibilidade

‘Em breve’, diz secretário sobre água do São Francisco na PB

Há cinco meses sem receber água da transposição do rio São Francisco, o açude Epitácio Pessoa, que fica na cidade de Boqueirão, Cariri paraibano, segue perdendo água em ritmo acelerado. Apenas nos últimos seis dias, o manancial perdeu 1.209.229 metros cúbicos (m³) e a situação segue sem prazo definido para ser resolvida.

Em junho, o presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa), Porfírio Loureiro, disse que a situação ocorre por conta de um problema no reservatório de Cacimba Nova, em Pernambuco.

Na quinta-feira (25), o secretário nacional de Segurança Hídrica do Ministério do Desenvolvimento Regional, Marcelo Borges, disse ao procurador de Justiça do Ministério Público da Paraíba (MPPB), Francisco Sagres Macedo Vieira, que o governo está providenciando o acionamento das bombas nas estações de bombeamento EBV-1 e EBV-2, em Pernambuco, e que, em breve, a água estará chegando ao município de Monteiro, de onde corre para ao rio Paraíba, desaguando no açude Epitácio Pessoa.

Outro manancial que depende do bombeamento da transposição é Acauã, que recebe água de Epitácio Pessoa, e está apenas com 7,16%, ou 18.122.013 m³ do total de 253 milhões que pode armazenar.