Portal G8
Jornalismo com ética e credibilidade

Assessor é preso suspeito de ser mandante de assalto à casa de prefeito do Cariri da Paraíba

Um ex-vereador e atual assessor do prefeito de Barra de São Miguel, no Cariri da Paraíba, foi preso, na quarta-feira (9), durante a Operação Renegade, suspeito de ser o mandante do assalto à casa do gestor municipal, ocorrido no dia 16 de dezembro do ano passado. Outras quatro pessoas também foram presas suspeitas de participação no crime e a Polícia Civil ainda procura por mais dois supostos cúmplices.

Segundo apuração da TV Correio, Rivelino Guimarães Pereira, conhecido na cidade como Riva, já foi vereador por dois mandatos, e atualmente trabalhava como auxiliar do prefeito, João Batista. As investigações apontaram que ele planejou o assalto e contratou os executores, informando dia e horário em que a família do prefeito não estaria em casa.

Os criminosos, no entanto, acabaram surpreendidos pelo fato de um filho adolescente do prefeito acabou ficando em casa. O jovem foi feito refém durante o assalto e não sofreu ferimentos.

“Desde o início das investigações, percebemos que alguma pessoa muito próxima à vítima poderia ter passado informações aos criminosos. O assalto aconteceu exatamente no momento em que não deveria haver ninguém em casa. Além disso, ao analisar câmeras de segurança, verificamos que os executores chegaram a Barra de São Miguel mais cedo e ficaram dando voltas na cidade. Eles só entraram na casa depois que o prefeito já tinha saído, reforçando a hipótese de que alguém teria avisado a eles que a casa estava livre”, explicou a delegada Maíra Roberta, acrescentando que uma denúncia anônima apontou o assessor do prefeito como possível mentor intelectual do assalto. “Passamos a monitorá-lo e confirmamos que, de fato, ele era a pessoa por quem procurávamos”.

De acordo com a autoridade policial, Rivelino Guimarães cumpriu pena por roubo de carga em Pernambuco de 2017 a setembro de 2021, no estado de Pernambuco. Na cadeia, ele conheceu um dos executores do assalto à casa do prefeito. Ele também foi preso na Operação Renegade. Em Taquaritinga do Norte, a polícia prendeu um casal de assaltantes e o homem que teria emprestado o carro utilizado pelo grupo criminoso.

Com os suspeitos presos, a Polícia Civil encontrou pertences roubados da casa do prefeito, como malas e roupas.

 

Loading...